PMFS Natal 2
Em cima da hora:
Queda de energia em Brotas deixa serviço da Defesa Civil fora do ar
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Jovem Pan News é anunciada durante Work Week na Bahia

    Nova rede nascerá em emissoras próprias, como Brasília e São José do Rio Preto
    20.09.2013 00h42m
    Recomendar
    Jovem Pan News é anunciada durante Work Week na Bahia
    Foto: Reprodução
    A Rede Jovem Pan está organizando a sua 9ª Work Week (comemoração dos 20 anos da rede), evento que reúne representantes de afiliadas das redes lideradas pela Jovem Pan FM 100.9 e Jovem Pan AM 620 de São Paulo. Durante as palestras que estão sendo ministradas por diretores das rádios e por convidados, foi anunciada a criação da rede Jovem Pan News, que vai nascer pela internet em outubro. Posteriormente o projeto seguirá pela AM de Brasília e também em São José do Rio Preto.
     
    Entre os assuntos que estão sendo tratados junto aos afiliados, está a nova forma de apresentação da rede. A rede vai passar a se apresentar ao mercado em geral como um veículo de comunicação multi-plataforma, explorando as rádios, o portal na internet, entre outras ferramentas. Além disso, haverá a padronização comercial, do conteúdo e de sua marca.
     
    Além disso, foi anunciada a criação de uma nova rede. A Jovem Pan News, que vai nascer pelas emissoras próprias em Brasília e São José do Rio Preto, aproveitando-se da estrutura jornalística existente da Jovem Pan AM nesses mercados com uma série de repórteres pelo Brasil e correspondentes internacionais. A nova emissora terá como concorrentes as redes BandNews FM e CBN.
     
    Além das apresentações, a 9ª Edição do Work Week está comemorando os 20 anos da rede Jovem Pan. O diretor de programação da FM Jovem Pan, Marcelo Eduardo, explicou que a convergência da rede para o universo digital é um dos temas a serem abordados no evento. Ele revelou ainda uma novidade para o Mundial de 2014. “Também vamos falar de Copa do Mundo, nós fizemos uma trilha maravilhosa, um tema para a Copa do Mundo da Rede Jovem Pan SAT que nós vamos apresentar aqui”, disse.
     
    A 9ª Edição do Work Week representa companheirismo, amizade, envolvimento, relacionamento, participação, segundo o diretor do grupo Paulo Machado de Carvalho Neto. “Fazer com que todas as pessoas que aqui estejam possam rever amigos e fazer novo amigos. Eles [os executivos] estão aqui reunidos, nós teremos uma intensa programação durante esses dias em que nós vamos ter possibilidade de falar com eles e de, principalmente, ouvi-los”, contou.
     
    A 9ª Work Week está sendo realizado na Costa do Sauípe, na Bahia, e reúne nesta semana executivos de toda a Rede Jovem Pan SAT.
     
    Fonte: Tudo Radio


  • Record reformulará o “Tudo a Ver”

    Programa terá novo formato e apresentador diferente a cada semana
    20.09.2013 00h36m
    Recomendar
    Record reformulará o “Tudo a Ver”
    Foto: Divulgação / Record
    Vildomar Batista está na área. Após um período afastado de seus trabalhos, em virtude de uma discussão com Britto Jr., o que culminou em seu afastamento do “Programa da Tarde”, o diretor está prestes a emplacar um novo projeto na Record.
     
    Segundo Daniel Castro, do NTV, Batista trabalha na reformulação do “Tudo a Ver”, que ganhará elementos do extinto “Tudo é Possível”. O projeto, tido como uma releitura da antiga atração de Ana Hickmann, terá um apresentador diferente a cada semana. A ideia, de acordo com Castro, é aquecer o horário para um outro projeto. Não se sabe, no entanto, se Tina Roma, atual apresentadora do dominical, participará do rodízio.
     
    O “novo” “Tudo a Ver”, portanto, nasce com prazo de validade estipulado, uma vez que uma nova atração, também sob os domínios de Vildomar, está sendo desenvolvida para a faixa para o início de 2014. Nesse projeto, ainda segundo Daniel Castro, a Record pretende contar com um apresentador de fora, que deve ser contratado em breve.
     
    Há quem aposte as suas fichas no nome de Adriane Galisteu, sem contrato com nenhum canal, mas presa à Band por conta do reality “Quem Quer Casar com o Meu Filho?”, inteiramente gravado e sem prazo de exibição.
     
    Com informações do RD1 Audiência


  • Rádio Globo conta com novos integrantes no Rio e em São Paulo

    Comunicador Rony Magrini integra equipe de São Paulo enquanto Rio conta com Dé, o Aranha, como comentarista esportivo
    20.09.2013 00h32m
    Recomendar
     Rádio Globo conta com novos integrantes no Rio e em São Paulo
    Foto: Reprodução
    As rádios Globo AM 1100 de São Paulo e Globo AM 1220 FM 89.5 do Rio de Janeiro apresentam novidades em suas equipes. As emissoras estão com novos integrantes, marcando ainda mais a fase de regionalização das programações. O processo teve início em julho, com a estreia de um programa matinal na grade da emissora carioca.
     
    A Rádio Globo do Rio anunciou a contratação do comentarista esportivo Dé, conhecido também como Aranha. O ex-jogador, que atuou por vários clubes do Rio de Janeiro. O comunicador Antonio Carlos conversou com o novo contratado da emissora por telefone na última terça-feira para apresentar o contratado.
     
    Em agosto, a Rádio Globo do Rio estreou a sua "Tarde Feliz" com o "Boa Tarde, Globo" reformulado. O comunicador Alexandre Ferreira passou ter a companhia de Elisângela Salaroli, ao lado de Lolô Penteado. A atração vai ao ar segunda a sábado das 13h às 15h. Em seguida, o "Vale Tudo" de Tino Júnior apresenta o novo quadro, "Autorádio", um bate-papo sobre curiosidades do mundo dos carros e motos, com Felipe B, ex-VJ da MTV e editor da revista Nitro. 
     
    A emissora também apresentou o novo formato do Panorama Esportivo, em que o noticiário dos clubes ganha quadros de entretenimento, como a música das torcidas e o "Papo Reto", que conta com atores e jogadores. A atração está indo ao ar de segunda a sexta e também aos domingos, das 22h à meia-noite. No início do mês, a rádio estreou o programa O Melhor da Rádio Globo, com David Rangel, que vai ao ar a partir da meia-noite e o Acorda Rio!, das 5h às 6h da manhã, Jorge Luis.
     
    Já em São Paulo, a Rádio Globo vai estender seu horário local. A emissora contratou o comunicador Rony Magrini, que estava atuando pela Iguatemi AM 1370 de São Paulo. Magrini estará no ar a partir do dia 15 de outubro, das 6h às 9h de segunda a sábado.
     
    No mês passado a Globo de São Paulo estreou o programa Gente como a Gente. O programa, que vai ao ar das 13h às 15h, tem apresentação de Luiz Torquato e Vanessa di Sevo. A atração trata de comportamento e relações humanas, sempre com um tema, um convidado, humor e música. O programa também é retransmitido para a Rádio Globo AM 1150 de Belo Horizonte e para o restante da rede. 
     
    Com informações do Tudo Radio


  • SBT muda título de novo jornalístico pela segunda vez em dois dias


    20.09.2013 00h26m
    Recomendar
     SBT muda título de novo jornalístico pela segunda vez em dois dias
    Foto: Divulgação / SBT
    O novo jornalístico do SBT ainda não estreou, mas já é detentor de um recorde. O programa, que será comandado por Neila Medeiros e irá ao ar às 18h30 a partir do próximo dia 23, teve seu nome substituído pela segunda vez em dois dias.
     
    Inicialmente chamada de “Aqui Agora”, a atração teve seu título alterado ontem, quando a emissora decidiu resgatar o nome “Boletim de Ocorrências”, já utilizado num programa que teve quase um ano de vida em 2010. Nesta terça-feira (17), porém, Silvio Santos mudou de ideia e um novo título foi decretado.
     
    De acordo com o colunista Flávio Ricco, o programa se chamará – ao menos por ora – “SBT Notícias”. Ainda segundo Ricco, as constantes mudanças têm trazido transtorno para aqueles que produzem vinhetas e projetos gráficos, mas, dadas as circunstâncias, um novo título pode ser criado a qualquer momento.
     
    Neila Medeiros segue confirmada à frente do jornalístico, que estreará cercado por incertezas e cobranças.


    Com informações do RD1 Audiência


  • Meio rádio na expectativa pela publicação de decreto que autoriza migração das AMs

    Decreto deve ser editado no dia 25 de setembro, quando se comemora o Dia do Rádio
    17.09.2013 09h47m
    Recomendar
    Meio rádio na expectativa pela publicação de decreto que autoriza migração das AMs
    Foto: Ilustração
    O meio rádio está na expectativa da publicação no Diário Oficial da União, do decreto que autoriza a migração das rádios AMs para o dial FM. No início deste mês, o Ministério das Comunicações encaminhou à Casa Civil a minuta do decreto que estabelece as diretrizes legais para a migração. O texto está passando por análise técnica para então ser assinado pela presidente Dilma Rousseff. A migração terá início nos municípios onde não haja congestionamento no espectro FM.
     
    A Associação Brasileira das Emissoras de Rádio e TV, (Abert), tem a expectativa que o decreto seja editado no próximo dia 25, data oficial em que se comemora o Dia do Rádio. “E uma ótima notícia. Trabalhamos muito para isso, e o governo compreendeu a importância da nossa pauta. Essa mudança será uma grande oportunidade para o fortalecimento do setor. A migração dará condições para as emissoras se adaptarem melhor às tecnologias”, afirmou o presidente da Abert, Daniel Slaviero.
     
    A migração poderá ocorrer tão logo autorizada nos municípios onde o espectro de FM estiver livre. A Agência Nacional de Telecomunicações está encarregada de estudar o plano básico do rádio para verificar a disponibilidade de canais. Nas cidades onde não houver canais vagos, as emissoras terão de aguardar a liberação dos canais 5 e 6 de televisão.
     
    Paralelo à migração, a Comissão de Ciência e Tecnologia do Senado (CCT/Senado) convocou uma audiência pública para esta terça-feira, dia 17, com início às 8h15, com o tema "Tecnologia de digitalização do sistema radiofônico brasileiro ".  A reunião vai contar com a presença de representantes de entidades e das empresas que disputam o padrão da digitalização.
     
    A audiência pública será transmitida ao vivo pela TV Senado. O Minicom está planejando novos testes com os dois sistemas que se apresentaram para serem adotados no Brasil: o DRM e o HDRadio. Ainda não foram encontradas emissoras para realizar os testes em FM de alta e baixa potência. Os testes em AM acontecerão na Rádio Nacional  AM 980 de Brasília, ainda sem data definida.
     
    Com informações do Tudo Radio


  • Em 15 anos, CBN já teve três vozes-padrão


    17.09.2013 09h45m
    Recomendar


  • Clipe: Duas Medidas - Ai Madonna #seACHANDOaMADONNA


    12.09.2013 23h18m
    Recomendar


  • Comissão rejeita norma para licitações de emissoras de rádio e de TV

    Novo projeto dava peso maior à proposta técnica em rela
    12.09.2013 23h08m
    Recomendar
    Comissão rejeita norma para licitações de emissoras de rádio e de TV
    Foto: Reprodução
    A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público rejeitou, na semana passada, o Projeto de Lei 4451/08, do deputado Valadares Filho (PSB-SE), que institui nova norma para o julgamento de licitações destinadas à outorga de concessões e permissões de serviços de rádio e de TV. O projeto tem prioridade e será analisado agora pelas comissões de Finanças e Tributação (inclusive quanto ao mérito), e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Depois, será votado pelo Plenário.
     
    Pelo projeto, a proposta técnica para obter determinado canal ou frequência terá peso superior ao de preço nas licitações, podendo chegar até o limite de 80% da pontuação máxima possível. Hoje o vencedor da licitação é o que conseguir melhor média ponderada na avaliação de suas propostas para esses dois requisitos.
     
    O relator, deputado Augusto Coutinho (DEM-PE), foi contrário à proposta. Segundo ele, a lei não deve restringir a decisão administrativa nesse caso. “Não se deve privilegiar, na lei, uma solução que nem sempre será a melhor para todos os casos específicos a serem enfrentados”, afirmou.
     
    O projeto tramita na Câmara dos Deputados desde 2008. Na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público o projeto está desde 2009 e, após um longo trâmite, foi rejeitado. O projeto agora será encaminhado e analisado com urgência pelas comissões de Finanças e Tributação (inclusive quanto ao mérito), e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Depois, será votado pelo Plenário.
     
    Com informações da Agência Câmara de Notícias


  • SKY disponibiliza canais obrigatórios e Record News aproveita para estrear programas


    12.09.2013 22h57m
    Recomendar
     SKY disponibiliza canais obrigatórios e Record News aproveita para estrear programas
    Foto: Reprodução
    SKY bem que tentou, mas vai ter que ceder à vontade da Anatel e inserir os 14 canais obrigatórios em sua grade de programação, dentre eles a Record News. A empresa, de Edir Macedo, vai aproveitar o fato de chegar em mais casas para estrear novas atrações.

    Como informa a coluna “Outro Canal”, a emissora estreará três novos programas. “JR News Talentos”, musical comandado pelo jornalista Heródoto Barbeiro, “Eco Record News Amazônia”, sobre sustentabilidade, e o “Record News Rural”.

    A Record News entrará no line-up da SKY no canal 179.

    Com informações do RD1 Audiência


  • Britto Jr. posta foto assistindo ao “Jornal Hoje” durante horário do “Balanço Geral”


    12.09.2013 22h50m
    Recomendar
     Britto Jr. posta foto assistindo ao “Jornal Hoje” durante horário do “Balanço Geral”
    Foto: Reprodução
    Nos últimos meses, o apresentador Britto Jr. tem sido o pivô de alguns desentendimentos. Em maio, Britto brigou com Vildomar Batista, diretor do “Programa da Tarde” e um dos principais diretores da Casa, promovendo uma ‘queda-de-braço’ que obrigou a emissora a escolher entre um e outro.

    Ancorado por Honorílton Gonçalves, então vice-presidente artístico da Record, Britto foi mantido no comando da atração e Vildomar acabou sendo afastado, cumprindo contrato na ‘geladeira’ da emissora até hoje.

    O apresentador, porém, causou nova polêmica ao destratar ao vivo o jornalista Geraldo Luís, que entrou no ar no “Programa da Tarde” durante um plantão. Na ocasião, Britto interrompeu Geraldo abruptamente e, em tom irônico, perguntou se “estava atrapalhando a conversa do apresentador” e pediu a palavra, relembrando que o “Programa da Tarde” já estava no ar.

    Geraldo não retrucou, mas ficou visivelmente irritado. Desde então, o jornalista nunca mais participou do vespertino, fato que ocorria com frequência, e na última segunda-feira, (10), a rusga entre os apresentadores pode ter ganhado um novo capítulo.

    No dia em que o “Programa da Tarde” completava um ano, Britto postou uma foto em que aparecia em seu camarim assistindo ao “Jornal Hoje”, da Globo, pouco antes de entrar no ar. O fato causou estranheza, já que o telejornal, além de ser da Globo, é um concorrente direto do “Balanço Geral SP”, apresentado por Geraldo no mesmo horário.

    “Até meu amigo Evaristo [âncora do 'Jornal Hoje'] no camarim pro bolo do ‘Programa da Tarde’”, brincou Britto na legenda da imagem. O ato, além de ir ao encontro das diretrizes da Record, soou como uma clara provocação a Geraldo.

    REVEJA O ‘PITI’ DE BRITTO:


    Com informações do RD1 Audiência 


  • Novo portal do Grupo Mix une informações da rádio e da TV

    Plataforma contará com todo o conteúdo da emissora jovem paulistana, que ganhará rádios online segmentadas
    12.09.2013 22h41m
    Recomendar
    Novo portal do Grupo Mix une informações da rádio e da TV
    Foto: Reprodução
    O Grupo Mix de Comunicação lança essa semana o portal MixMe (www.mixme.com.br). A nova plataforma vai unificar as informações da Rede Mix de Rádio, liderada pela Mix FM 106.3 de São Paulo e da Mix TV. A intenção é aumentar ainda mais a visitação das plataformas e divulgar as marcas dentro do público das emissoras. Além disso, a rádio Mix terá três rádios online separadas por segmentos.
     
    A nova página é hospedada no IG. O portal tem como objetivo ser a principal fonte de informação sobre música e cultura pop do país. O site, além de um conteúdo quente sobre o universo da música e entretenimento, traz algumas novidades como a Rádio Mix FM com três rádios segmentadas por estilo (hip hop, dance e rock). 
     
    A página também terá seções exclusivas com perfil dos artistas mais tocados na programação, área de promoções para os participantes acompanharem o que está acontecendo e streaming da Mix TV e da Mix FM. Além disso, o MixMe está firmando parcerias para ter mais conteúdo para o portal. O primeiro é o POPline, site de música independente.
     
    O projeto do portal foi desenvolvido pela Razorfish. O site tem vários recursos de navegação intuitivos, projeto de iconografia próprio e janelas que acompanham a navegação (streaming de rádio e TV). Ao todo, o projeto do portal consumiu oito meses de trabalho. 
     
    "Do ponto de vista criativo, a proposta foi dar visibilidade para o incrível acervo audiovisual da Mix, o site são grandes janelas para esse conteúdo riquíssimo. Não tem coisa melhor para um criativo do que trabalhar com música e universo jovem", afirma Rodrigo Estevez, diretor de criação da Razorfish.
     
    O internauta também terá acesso às rádios que integram a Rede Mix de Rádio. Assim como no site atual, o ouvinte terá acesso a informações como a frequência, cidade e o email de contato com a afiliada.
     
    Com informações do Portal da Propaganda


  • Rádio completa 91 anos de atuação no Brasil

    Primeira transmissão de rádio foi feita em 1922 em homenagem aos 100 Anos da Independência do Brasil
    08.09.2013 11h07m
    Recomendar
    Rádio completa 91 anos de atuação no Brasil
    Foto: Reprodução
    O ano era 1922. A República Federativa do Brasil comemorava 100 anos desde que o Príncipe Regente D. Pedro bradou perante a sua comitiva a célebre frase “Independência ou Morte!” naquele 7 de setembro. Para homenagear o centenário do feito histórico, o então presidente do Brasil Epitácio Pessoa fez um pronunciamento direto do Teatro Municipal do Rio de Janeiro por meio de uma estação de rádio, que foi captada em Niterói, Petrópolis, na serra fluminense e em São Paulo, onde foram instalados aparelhos receptores.
     
    A partir desse fato, nascia um dos mais importantes veículos de comunicação do Brasil. De acordo com dados históricos, para testar o novo meio de comunicação, os americanos da Westinghouse Electric instalaram uma estação de 500 W e uma antena no pico do morro do Corcovado (onde atualmente é o Cristo Redentor). O público ouviu o pronunciamento do presidente da República, Epitácio Pessoa e a ópera O Guarani, de Carlos Gomes.
     
    Muitas pessoas ficaram impressionadas, pensando que se tratava de algo sobrenatural. A reação visionária de Roquette-Pinto a essa tecnologia foi: "Eis uma máquina importante para educar nosso povo". Depois da primeira transmissão no Brasil em 1922, Roquette-Pinto tentou sem sucesso convencer o Governo Federal a comprar os equipamentos apresentados na Feira Internacional. 
     
    Para o bem da comunicação do Brasil, Roquette-Pinto não desistiu, e conseguiu convencer a Academia Brasileira de Ciências a comprar os equipamentos. Foi então criada a primeira rádio do país, a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro - atual Rádio MEC, fundada em 1922, e dirigida  por Roquette-Pinto, com um possante transmissor Marconi com dois mil Watts de potência. 
     
    Voltada para a elite do país, a programação da rádio incluía ópera, recitais de poesia, concertos e palestras culturais e tinha uma finalidade cultural e educativa. Como os anúncios pagos eram proibidos, a rádio era mantida por doações de ouvintes.
     
    Ao completar 91 anos no Brasil, o meio rádio permanece na expectativa da resolução de vários projetos. Um deles tramita no Congresso Nacional. Os deputados federais estão com projeto de lei que flexibiliza a transmissão do programa A Voz do Brasil, um dos mais antigos ainda em atividade e que atualmente acaba sendo empecilho, principalmente nas grandes cidades, por ter sua veiculação às 19 horas, no período em que motoristas necessitam da informação do rádio para sua locomoção.
     
    Além disso, existe a expectativa do início da migração das rádios AM para o dial FM. Há a possibilidade do governo federal liberar a migração a partir deste mês, se utilizando de uma medida provisória. Apesar de polêmica, a lei deve beneficiar milhares de emissoras. Se houver a permissão, as primeiras rádios a migrarem serão as que estão em regiões com dial convencional menos congestionado e passarão ocupar a faixa. A faixa estendida (que vai de 76 FM a 87 FM) deverá ser liberada apenas para os grandes centro, após o apagão das TVs analógicas. Existem ainda a previsão do início de novos testes com os padrões digitais para o FM.
     
    Por fim, nesta sexta-feira, gestores e diretores de rádios da capital paulista reuniram-se para discutir ideias para a melhoria do rádio. O encontro foi considerado como o primeiro passo para que seja lançada uma campanha de fortalecimento do meio, que apesar da grande penetração que tem junto à população, ainda conta com uma pequena fatia do bolo de investimentos publicitários.
     
    Fonte: Tudo Rádio


Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia